FAQ GA4 – Perguntas Frequentes sobre o Google Analytics 4

Após o Google anunciar o fim do Universal Analytics, a solução encontrada foi a migração para uma propriedade do Google Analytics 4. Para garantir o histórico de dados dentro do GA4, é necessário começar a usá-lo o mais rápido possível.  

O GA4 é o novo modelo de dados que veio para ficar, e, pensando em responder as principais dúvidas sobre a plataforma e fazer com que você a entenda de forma mais clara, trouxemos um FAQ sobre a mesma. É importante lembrar que estamos falando de um assunto que pode ser facilmente atualizado, então algumas coisas podem mudar com o tempo. 

Posso mesclar meus dados históricos do Universal Analytics com os dados do GA4? 

Você não pode realizar esta ação porque essas plataformas usam modelos de dados fundamentalmente diferentes.

 

Por que meus dados do GA4 não correspondem ao UA? 

Como dito anteriormente, os dois usam modelos de dados diferentes, então devemos esperar uma certa discrepância, porém, as vezes pode depender do seu caso de uso individual. Existem alguns fatores que podem levar a diferenças entre as duas plataformas: 

  • Rastreamento aprimorado entre dispositivos do GA4 que pode resultar em uma contagem total de usuários reduzida; 
  • A implementação de rastreamento defeituosa ou incompleta; 
  • Os dados de um conjunto são filtrados;  
  • Segmentação de dados por categorias como dispositivos, navegador, idioma etc. visando tentar isolar o problema. 

Caso as diferenças estejam presentes em eventos específicos, recomenda-se o uso do modo de depuração do GTM para observar o comportamento em questão. 

 

Eu tenho que fazer o re-tag de todo o meu site para GA4? 

Sim, você terá de fazer este trabalho de remarcação para essa migração. O Google Analytics 4 usa um modelo de dados diferente, então, o método de coleta também é diferente. O Google oferece um grande suporte para essa migração de tags, especialmente para a migração um pouco mais complexa do rastreamento de comércio eletrônico. 

 

Onde posso encontrar a taxa de rejeição no GA4? 

Em vez de oferecer a medição da taxa de rejeição, o GA4 oferece um conjunto de métricas de engajamento mais significativas, ou seja, neste caso, use a ‘taxa de engajamento’.  

 

Onde posso encontrar o relatório de landing pages no GA4? 

A dimensão de lading page não existe mais nos novos modelos de dados baseados em eventos. Você pode observar o número de eventos ‘session_start’ de cada página. Esse procedimento pode ser feito criando um relatório personalizado para o evento ou no relatório ‘Páginas e telas’ selecionando o ‘session_start’ no menu suspenso na coluna de contagem de eventos. 
 

Onde posso encontrar páginas de saída e porcentagem de saída no GA4?  

Apenas de o Google Analytics 4 não possuir métricas de saída de páginas, o Explorer as disponibiliza. Recomendamos que crie uma exploração de forma livre, use o caminho da página como a dimensão e as saídas como métrica.  
Quanto a porcentagem de saída, infelizmente, na interface do GA4, não é possível realizar o cálculo. Uma maneira simples de fazer isso é acessando o Data Studio. 

 

Onde encontro o “Tempo na página”? 

Essa é outra métrica que não existe no GA4, mas, para substituí-la, a plataforma oferece o ‘tempo médio de engajamento’ (você pode encontrá-lo no relatório ‘Páginas e telas’), que acaba sendo mais significativo.  
Na Universal Analytics, a métrica de ‘tempo na página’ era falha por não realizar o cálculo para todas as páginas.  

 

Como configuro o agrupamento de conteúdo no GA4? 

Esta ação pode ser realizada por meio do Gerenciador de tags do Google. Vá para a sua tag de configuração do GA4, na parte de campos a serem definidos, adicione uma linha com o nome do campo ‘content_group’. 
Para adicionar o valor, é necessário criar uma tabela regex com a dimensão {{Page Path}}, onde você pode desenvolver um conjunto de regras semelhantes à criação de agrupamento de conteúdo na interface do usuário, que era oferecido pelo Universal Analytics. 

 

Como exportar dados do GA4? 

Basta clicar em ‘Compartilhar este relatório’ no canto superior direito da janela e selecionar ‘Baixar arquivo’, você pode baixá-lo em PDF ou CSV. Esta última opção exportará todas as linhas, não apenas as que você consegue ver na tabela. 

 

Consigo conectar o Google Optimize com o GA4? 

Infelizmente não há um conector para o Google Optimize e o GA4, mas esta opção está no roteiro e deve ser lançada em breve.  

 

Consigo conectar o Google Search Console ao GA4? 

Também não há um conector para o Google Search Console e o GA4, mas existe uma solução alternativa, isto é, conectar os dados do GA4 e do Google Search Console no Google Data Studio. Para isso, deve-se utilizar a função Combinar fontes de dados’ e unificar os dois conjuntos de dados na página. Você também pode combinar as duas fontes de dados no Google Big Query. 

 

Como posso visualizar o tráfego por canal no GA4? 

Vá para Relatórios > Aquisição > Aquisição de tráfego e altere a lista suspensa na dimensão principal para ‘Agrupamento de canais padrão da sessão’. Assim, você poderá ver a definição de cada canal na documentação oficial do Google, mas não pode alterá-los. Apesar de os relatórios de canal estarem disponíveis na plataforma, eles são muito menos flexíveis do que o esperado.  

 

Como configurar o Cross Domain Tracking no GA4? 

O acompanhamento de vários domínios pode ser definido diretamente nas configurações da sua propriedade do Google Analytics. Acesse sua propriedade no painel de administração do GA4 e, em seguida, clique em seu fluxo de dados, depois vá para ‘Mais configurações de marcação’ na parte inferior da janela. 

 

Onde encontro a lista de exclusão de referência no GA4? 

Você pode realizar a exclusão das referências indesejadas nas configurações de fluxo de dados. Para isso, vá para Administrador > Fluxos de dados > Mais configurações de marcação > Listar referências indesejadas e adicione os domínios que você não queira que apareçam como referências.  

 

Os relatórios existentes do Data Studios (vinculados ao UA) podem ser vinculados ao GA4 ou é necessário recriá-los?

A alteração da fonte de dados para sua nova propriedade do Google Analytics em um painel existente é fácil, porém, é necessário atualizar os elementos do próprio painel devido às diferentes estruturas de dados. Por mais que algumas dimensões sejam as mesmas, as métricas ainda são diferentes, então acaba sendo como começar do zero. 

 

Como posso atribuir um valor de receita aos eventos no GA4? 

Considerando que cada evento pode conter até 25 parâmetros, você pode utilizar um desses para o valor. Caso sua dúvida esteja relacionada com a implementação, recomenda-se o armazenamento de um valor de evento no dataLayer, de onde a coleta é mais fácil.  

 

Como o GA4 gera relatórios sobre os usuários? 

O GA4 possui um método ligeiramente atualizado de geração de relatórios sobre os usuários, método este que usa até três identificadores para unificar a atividade do usuário: 

  • ID do usuário: é um ID opcional inserido manualmente. Seu identificador mais preciso é o uso dos dados coletados para identificação dos usuários; 
  • Google Signals: são os dados dos usuários que fizeram login no próprio Google e consentiram no compartilhamento dessas informações. Assim que estes dados estiverem disponíveis, a plataforma do GA4 associará os dados do evento com a conta Google de um determinado usuário; 
  • Device-ID: caso as opções previamente comentadas não estiverem disponíveis, um ID de dispositivo herdará seu valor do ID do cliente. É um ID gerado de maneira aleatória, armazenado em um cookie no navegador do usuário e enviado com todos os resultados de análise. 

É possível configurar algo semelhante ao ‘Metas’ do Universal Analytics? 

Sim, o GA4 possui a possibilidade da conversão. Esta conversão é definida por meio da seleção dos eventos mais importantes para sua empresa ou, também, adicionando condições para eventos já existentes. Além das conversões automáticas abaixo, você pode marcar mais de 30 eventos como conversões. 

  • compra (web e aplicativo) 
  • first_open (somente aplicativo) 
  • in_app_purchase (somente aplicativo) 
  • app_store_subscription_convert (somente app) 
  • app_store_subscription_renew (somente app) 
  •  

A MATH MKT está preparando uma série de conteúdos sobre o Google Analytics 4 visando, sempre, lhe ajudar! Que tal se inscrever na nossa newsletter para receber estes e muitos outros conteúdos em primeira mão?



Feedback